LEIA MAIS

...

Minha estória de natal

“Ser feliz ao menos uma vez, não foi o bastante. Anita precisava tocar no céu muitas vezes ao longo dos dias. Ela precisava se sentir amada, valorizada e protegida. Aquela felicidade momentânea, fugaz e passageira não lhe dizia respeito. Ela tinha sede de felicidade. Seus amigos não entendiam sua necessidade, para eles, viver já estava bom.

Eles foram se acostumando com a mediocridade, com a violência, com a intolerância, com a falta de tempo, com as necessidades desnecessárias, os relógios, as roupas, os tênis, as marcas.

Eles se esqueceram dos chinelos, das areias, dos gramados, das cachoeiras, dos passeios, da chuva, do sol.

Esqueceram de tocar o céu com os dedos da imaginação.

Esqueceram da maravilhosa sensação de ser feliz…”

                                                                                                                                                        LAFChaim

  • by drchaim
  • posted at 13:59
  • 24 de dezembro de 2011